Confessa, onça!

“Ê, onça pintada
Quem foi que te pintou?
Quem te pôs o preto?
Quem te pôs o preto?
Quem te amarelou?

Por que tu não é vermelha, onça?
Nem é rosa-choque a tua fuça?
O teu olho parece de louça
Quem achou de te pintar?

Tanta pinta preta, poxa, onça
Mas um dia nem que a vaca tussa
Eu te pinto de azul da prússia
Que bonito vai ficar!”

Letra de Onça Pintada, música escrita e interpretada por Zeca Baleiro
A animação é de Marcos Faria
Imagem de Amostra do You Tube
Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz