Arquivo de março de 2013

quarta-feira, 20 de março de 2013

Uma nova modalidade de mashup?

“As capitais, praias e as maiores cidades são os alvos mais frequentes dos imigrantes, porque quando surge o alviverde imponente no gramado onde a luta o aguarda, sabe bem o que vem pela frente e que a dureza do prélio não tarda.”

Trecho de uma redação apresentada no último Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Diante do tema “movimento imigratório para o Brasil no século 21”, o irreverente aluno ousou acrescentar à dissertação versos do hino palmeirense. Tirou nota 5  
Compartilhar

quarta-feira, 20 de março de 2013

Mão-de-obra ociosa

“Certa vez perguntaram a João 23 quantas pessoas trabalhavam na Cúria romana, e ele disse: ‘A metade’.”

Trecho de A faxina do papa Francisco, artigo de Elio Gaspari  

terça-feira, 19 de março de 2013

Hora de agir ou me entregar?

À beira do mar, indaguei:
– O que devo fazer?
E o mar respondeu:
– Nada.

A partir de A Disciplina do Amor, livro de Lygia Fagundes Telles

terça-feira, 19 de março de 2013

São as almas, e não os corpos, que se apaixonam à primeira vista?

“Erra quem pensa que o amor vem do companheirismo de longa data ou do cortejo perseverante. O amor é filho da afinidade espiritual e, a menos que essa afinidade seja criada em um instante, ela não será criada em anos ou mesmo em gerações.”

Do poeta libanês Khalil Gibran 

terça-feira, 19 de março de 2013

O tempo machuca

“Envelhecer é muito difícil para todo mundo. Temos de aceitar que vamos perder nossas características físicas. E mais: envelhecer dói. Quando visitamos os idosos e perguntamos como é ser velho, a resposta – quase que em 100% dos casos – é ‘dói, todo dia dói’.”

Do cientista francês Hugo Aguilaniu, especializado em genética do envelhecimento

segunda-feira, 18 de março de 2013

Alguém conhece um matador de aluguel que mate a morte?

“Não quero alcançar a imortalidade com meu trabalho. Quero alcançar a imortalidade não morrendo.”

De Woody Allen

segunda-feira, 18 de março de 2013

Pra que jiu-jitsu?

segunda-feira, 18 de março de 2013

Tudo passa?

“O tempo não cura nada. O tempo apenas tira o incurável do centro das atenções.”

Da cronista Martha Medeiros

segunda-feira, 18 de março de 2013

Desenho pergunta?

Vigésima primeira ilustração de uma série que o artista
paulistano
Ganu publica periodicamente neste blog
(clique na imagem para ampliá-la)

sexta-feira, 15 de março de 2013

Se tristeza não tem fim, por que felicidade, sim?

“Acho que uma palmeira é muito mais bonita do que uma carabina, mas não sei se vem ao caso.”

Da escritora Matilde Campilho
Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz