Arquivo de agosto de 2011

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Quando se perdem as ilusões, o amor começa ou termina?

“Não éramos tão perfeitos assim
Não éramos tão tolerantes assim
Não éramos tão à flor da pele assim
Não éramos tão liberais assim
Não éramos tão cintilantes assim
Não éramos tão volúveis assim
Não éramos tão o tempo todo assim
Não éramos tão fiéis assim
Não éramos tão seguros assim
Não éramos tão poéticos assim
Não éramos tão geniais assim
Não éramos tão perigosos assim”

Trechos da canção Não Éramos Tão Assim, de Pélico
Interpretada pelo próprio compositor
Imagem de Amostra do You Tube
Compartilhar

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

A perua e o cenário econômico

Se há crise nas bolsas, o negócio é investir em sapatos?

Dica de Georgia Barcellos

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Por que o desejo deixa tanto a desejar?

Tirinha de Pryscila Vieira

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

De que me adiantou tirar 10 em paixão?

a repetente do primeiro colegial
não sei da sua família
vestia quase sempre a mesma
blusa de lã azul macia
embora eu nunca a tenha tocado
aprendi mais sobre os dedos
da mão dela girando
a caneta também azul
do que sobre qualquer matéria
daquele ano

A partir do poema O Ginásio, de Ana Guadalupe

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Nada a declarar

“Quer afirmar algo? Então não faça literatura. Literatura é uma conversa sobre as dúvidas. Uma conversa sobre as delicadezas, sobre as faltas.”

Do escritor Bartolomeu Campos de Queirós

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Já havia depressão na Pré-História?

Cartum do iraniano Massoud Shojai
(clique na imagem para ampliá-la)

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Oportunidade única

Se a Copa é em 2014 e as Olimpíadas são em 2016, por que a gente não emenda 2015 e o transforma num imenso feriadão?

Indagação muito pertinente que corre pela internet

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Trancado

“Em meu coração, existe um pássaro azul
Que deseja sair
Mas sou mais forte do que ele
E digo: ‘Fique aí dentro, não vou deixar ninguém te ver’.
Em meu coração, existe um pássaro azul
Que deseja sair
Mas eu jogo uísque nele e inalo fumaça de cigarro
E as putas, e os barmen
E os caixas do mercado
Nunca ficam sabendo que ele está aqui dentro.
Em meu coração, existe um pássaro azul
Que deseja sair
Mas sou mais forte do que ele
E digo: ‘Fique aí dentro, você quer me pôr em apuros?
Quer estragar meus trabalhos?
Arruinar as vendas de meus livros na Europa?'”

Trecho do poema Bluebird, de Charles Bukowski
Ouça o autor recitá-lo no vídeo abaixo:
Imagem de Amostra do You Tube

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Por que insistem em culpar o petit gateau?

“Descobri o que nos faz engordar: é o xampu! No rótulo, está escrito: ‘para dar volume e corpo’. Agora só vou usar detergente. O rótulo informa: ‘elimina até as gorduras mais difíceis’.”

Do Facebook de Eleny Barbulho

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Perfeito para quem gosta de comidas picantes?

Dica de Georgia Barcellos
Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz