Zoeira

Na avenida Paulista, um mendigo interrompe minha caminhada e pede sem rodeios:
– Me vê dois reais? Preciso inteirar o dinheiro da cerveja.
– Cerveja?
– Cerveja! Ou o senhor acha que morador de rua não tem direito à curtição?

Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz