Como alguem consegue acreditar que vamos nos transformar em Cuba?

“Digamos que [, diferentemente do que apregoam muitos antipetistas,] nosso problema está longe de sermos algo parecido com Cuba. É mais a dificuldade de domar um capitalismo extremamente selvagem. Pessoas muito cruéis com as outras, as indefesas. Nosso problema é dar um mínimo de condições de educação e saúde, de felicidade, enfim, à população pobre. Infelizmente, essas pessoas que protestam não reclamam, nem de longe, da incapacidade do governo de produzir essa felicidade de modo mais estável. Também não estão nem aí para a corrupção, porque todo mundo sabe que a roubalheira existe desde sempre por aqui (e no mundo inteiro, diga-se). O problema, me parece, e daí tanto empenho em liquidar o governo e o PT, em transformar até seu pálido reformismo em ‘comunismo’, é que sem ele voltaremos a esmagar os pobres como fazíamos antes, sem nenhuma dor de consciência, sem nem mesmo saber que eles existiam. Não é o que eles roubam o problema. É que os pobres ficam um pouquinho menos pobres, um pouquinho mais protegidos – e isso nós, paulistas, julgamos que é comunismo, que é uma afronta aos nossos direitos eternos. Sim, essa eleição de Cuba como parâmetro seria cômica se não fosse trágica.”

Trecho de Tem LSD na Nossa Água?, artigo de Inacio Araujo
Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz