A lucidez é uma prisão?

“- Você não tem vontade de às vezes fazer alguma coisa louca?
– Tipo sair correndo sem pagar?
– Não, tava pensando em algo como derrubar a bandeja do garçom só pra ver tudo cair, mas sua ideia me parece melhor. Bora?
– Agora?
– Quando eu falar já… Já!
Não fomos, claro.”

Trecho do romance Queria Tanto, de Livia Brazil  
Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz