E se, como queriam os revoltosos de 1968, a imaginação tomasse o poder?

“Que o ministro das Relações Exteriores
Em vez de Produto Interno Bruto
Trate bem das questões interiores
Essas tantas isentas de tributo

Que se ocupe, o distinto ministério
Em criar fundamentos exitosos
Sentimentos comuns aos hemisférios
Com base em tratados amistosos

Eu proponho
Estabeleça-se a lei fundamental
Sob os pressupostos da poesia
Que haja em toda casa um recital
Inda pela manhã e ao fim do dia

E que toda criança em formação
Conheça, com prazer, um instrumento
E aprenda a tocar, com emoção
Os acordes do santíssimo invento

O presente decreto, faça-se cumprir em todos os povos
Sob as penas da lei já em vigor
Para que, em breve, se tenham humanos novos
A cuidar desse mundo com amor”

Eu Proponho, poema de Socorro Lira
Recitado pela própria Socorro
Imagem de Amostra do You Tube
Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz