Como pode haver pecado se não há fé?

“Desde os anos 1970, os americanos assiduamente evitam qualquer atitude que pareça assédio sexual, mesmo correndo o risco de perder amizades promissoras e as delícias do flerte. À semelhança dos homens de décadas anteriores _embora por razões bem diferentes_, eles sentem um pavor sobrenatural de dar um passo em falso. Considero isso deprimente. Os puritanos possuíam uma base teológica sólida para reprimir seus desejos e os desejos alheios. Mas os conformistas de agora não têm o respaldo de uma crença.”

Trecho de Mulheres, Mulheres, Mulheres, ensaio do historiador Tony Judd 
Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz