As mãos sempre se lembram?

“A memória do meu corpo nunca falha.
Se eu encosto a pele, tudo vem à tona…”

Trecho de Sobre Minha Boa Memória, poema de Thalita Covre
Compartilhar

Deixe um comentário

Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz