Arquivo de junho de 2014

segunda-feira, 30 de junho de 2014

O mulherzinha

Por que destilamos contra uns a crueldade que não arremessaríamos contra outros?

Recentemente, me lembrei do Maurício. Era um menino de 7 ou 8 anos à época em que o conheci. Estudávamos na primeira série de uma pequenina escola católica, sob a vigilância severa de madres franciscanas. Maurício tinha os cabelos negros e encaracolados, o corpo miúdo, as pernas tortas e a voz fina – mais fina que a de todos nós, os machinhos com quem tentava brincar durante o recreio. Não gostávamos dele e não permitíamos que se enturmasse. “Fora daqui, piolho!”, berrávamos às gargalhadas. Garotos deveriam se expressar de outra maneira, nunca daquele jeito molenga e agudo que insistia em contaminar as palavras do Maurício. Garotos tampouco deveriam chorar, e o Maurício chorava à beça, por qualquer bobagem. “Notou como o paspalho rebola quando corre?”, comentávamos, impiedosos. “É um mulherzinha mesmo…” Falávamos exatamente assim: “um mulherzinha” – o artigo no masculino e o substantivo no feminino, talvez para reiterar a estranheza do Maurício, o lugar confuso que ocupava diante de crianças ávidas por encaixar tudo em espaços bem definidos.

(mais…)

Compartilhar

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Etiqueta numa hora dessas?

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Máquina do tempo

“Pergunto o que ela está estudando em História. Ela larga a boneca no chão, pensa bastante e diz:
– Sobre antigamente.”

Sobrinha, microconto de Fabrício Corsaletti

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Nouveau riche

“Preciso ter uma conversa com esse menino que fica atiçando os sem-casa. Minha Casa Minha Vida não resolve? Eles querem o quê? Meu Duplex Meu Espaço Gourmet?”

Trecho do Diário da Dilma, sátira publicada na revista piauí de junho

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Carpe diem

“E já que estamos aqui
Que tal então aproveitar?”

Trecho de ZYB, canção de Lulina
Interpretada pela própria Lulina 
Imagem de Amostra do You Tube

sexta-feira, 27 de junho de 2014

O pior vilão é o mocinho?

“Eu não gosto do bom gosto
Eu não gosto de bom senso
Eu não gosto dos bons modos
Não gosto”

Trecho de Senhas, canção de Adriana Calcanhotto
Interpretada por Adriana em 1994
Imagem de Amostra do You Tube

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Cadeia nela?

– Descobri que sou pedófila.
– Como assim?!
– Namoro um cara que insiste em não crescer…

Entreouvido num bar de São Paulo

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Fuga impossível

Quadrinho de Adão Iturrusgarai

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Jacaré que dorme a onça leva?

Imagem de Amostra do You Tube

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Precisarei de salva-vidas?

Clique na imagem e a amplie
Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz