Arquivo de fevereiro de 2011

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Nunca estamos realmente preparados para realizar nossas fantasias?

Imagem de Amostra do You Tube
Dica de Mariana Delfini
Compartilhar

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Existe maneira mais eficaz de aniquilar um poeta?

– Mãe, tem Sol na Lua?
– Não, filho, aquilo é só a Lua cheia.

Dica de Ana Teixeira 

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Anfitrião nota 10

“O cara vai ao consultório, se senta, e o médico pergunta:
– O senhor bebe?
– Puxa, doutor, muito obrigado. Eu aceito um uisquinho no copo baixo com duas pedras de gelo.”

Da revista VIP de fevereiro

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

O homem e o objeto

“Mandar no Caetano? Claro que não! Eu mando é nas coisas dele.”

De Paula Lavigne, empresária e ex-mulher do cantor Caetano Veloso

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Você tem absoluta certeza de que não gosta de peixe?

Imagem de Amostra do You Tube
Vídeo da série Tales of Mere Existence, do norte-americano Lev Yilmaz
Dica de Marília Ferrari

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Palavras não chegam lá

O amor só desperta verdadeiramente quando a linguagem cessa?

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Interatividade

Se uma emissora de televisão nos oferece um pacote pay-per-view, significa que pagará para a gente ver os programas?

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Lua de mel

– Enfim, sós!
– Sós?
– É, sozinhos.
– Mas não me sinto sozinha. Estou com você – o que me deixa muito feliz, aliás.
– Claro! Também não me sinto sozinho.
– Não se sente mesmo? Então por que disse “sós”?
– Força de expressão.
– Sei… Mal começamos e você já sente solidão perto de mim. Que triste!
– Não! Você compreendeu errado.
– Escutei perfeitamente: você disse “sós” em vez de “acompanhados”. Não disse?
– Disse, disse. E acabo de me arrepender. Eu corrijo: enfim, acompanhados!
– Agora não adianta. Você conseguiu estragar tudo…

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Dominar o ofício?

“Uma atriz deve permanecer sempre inacabada. Que nunca fiquemos prontas! Assim continuaremos procurando.”

De Cleyde Yáconis

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Vivo em falso?

“Só me sei
onde não sou”

Anotação de Viagem, poema de Fernando Moreira Salles
Contato | Bio | Blog | Reportagens | Entrevistas | Perfis | Artigos | Minha Primeira Vez | Confessionário | Máscara | Livros

Para visualizar melhor este site, use Explorer 8, Firefox 3, Opera 10 ou Chrome 4. Webmaster: Igor Queiroz